Notícia

Final do Cross Country LMMG

Recorde de pilotos na etapa de Viçosa

O Campeonato de Cross Country da Liga de Motociclismo de Minas Gerais chegou ao seu final com a etapa disputada neste domingo, dia 26 de Novembro, na cidade de Viçosa. O evento teve o recorde de pilotos inscritos no campeonato, com 93 inscrições no total.

A primeira corrida do dia foi a XC6 (Importada Iniciante), nesta categoria o título da competição já estava definido por antecipação para o piloto Cristiano Lara Rabelo da cidade de Itaguara. O vice-campeonato também foi definido na quarta etapa que foi disputada em Caeté, para o piloto Moagir Gomes de Bonfim. Mas mesmo assim não faltou emoção na disputa da categoria que contou com 10 pilotos, e quem fez bonito foi Gabriel Batista que correndo em casa, venceu a prova de ponta a ponta, a segunda colocação foi do piloto Robson Souza de Visconde do Rio Branco, com Cassio Rosa também de Viçosa em terceiro, Ricardo Junior de Ribeirão das Neves em quarto, e Philipe Henrique de Belo Vale fechando o podium na quinta colocação. 

Na segunda bateria do dia a XC7 (Nacional Iniciante), tivemos 20 motos alinhadas no gate, e o piloto Igor Saraiva de Belo Horizonte conseguiu a vitória de ponta a ponta. A disputa pelo título nesta categoria estava entre os pilotos Rafael Chaves de Belo Horizonte e Luciano Domingos de Esmeraldas, com uma diferança de apenas 4 pontos em favor de Luciano. E o título só foi definido na última volta, quando Rafael que estava em quinto lugar perdeu a posição e terminou a prova em sexto, Luciano finalizou na nona colocação e foi o campeão da temporada 2017. Rafael Chaves ficou com o vice campeonato e Igor Saraiva com o terceiro lugar no campeonato. Na prova além da vitória de Igor Saraiva, tivemos o piloto Jader Lopes de Viçosa em segundo, Lucas Faustino de Coimbra em terceiro, Leandro Ramos em quarto e Douglas Alves de Viçosa em quinto lugar.

Na sequência tivemos a disputa da XC5 (Nacional Pró), e nessa bateria mais um piloto venceu de ponta a ponta, foi Juruna de Belo Vale, o segundo lugar ficou com o piloto de Viçosa, Lacraia, Rodrigo Maia de Belo Vale ficou com a terceira colocação, o que lhe garantiu o título da categoria, Edmar Teixeira foi o quarto, e Reginaldo Silva o quinto colocado, resultado que lhe deu o vice campeonato.

O piloto João Paulo Ferreira de Viçosa, que já era campeão antecipado, conquistou mais uma vitória pra cidade de Viçosa na categoria XC3 (Over 35), ele venceu de ponta a ponta, mantendo 100% de vitórias nas provas em que participou desta categoria. A segunda colocação ficou com Aloizio Assis de Belo Vale, Murilo Frois de Belo Horizonte foi o terceiro colocado, Frederico Bicalho de Visconde do Rio Branco o quarto e Uilian Souza de Visconde do Rio Branco o quinto colocado. O vice campeonato da categoria foi do piloto de Perdigão Sidney Elias.

Na categoria XC4 (Over 40) mais uma vitória para a cidade de Viçosa, Valdinei Reis venceu a prova de ponta a ponta, Paulo Coelho também de Viçosa ficou com o segundo lugar, Denner Dutra de Contagem foi o terceiro colocado, Cristiano Tavares de Betim o quarto e Capitão de Viçosa o quinto colocado. O título da categoria foi definido na etapa anterior, onde o piloto Geraldo Magela de Paraopeba foi o campeão, Denner Dutra ficou com o vice campeonato.

Depois tivemos a disputa de uma categoria apenas para pilotos da região, a Nacional A, e a vitória ficou com o piloto Lacraia de Viçosa, a segunda colocação foi de Leandro Ramos, Nito Silva de Canaã foi o terceiro, Lucas Faustino o quarto e Junior o quinto colocado. Nesta categoria também tivemos a participação da única mulher no evento, Luiza que ficou com a oitava colocação.

A categoria XC2 também estava com o título indefinido e a disputa estava entre os pilotos Reginaldo Silva de Bonfim e Raphael Meneghin de Lagoa Santa, e o piloto Raphael que teve problemas na largada terminou a prova na sexta colocação ficando com o vice campeonato, Reginaldo Silva foi o quinto colocado e levou o título de campeão da temporada 2017. Quem venceu a prova foi Gabriel Batista de Viçosa, ele que já havia vencido também a categoria XC6 mais cedo. O segundo lugar foi de Evandro Pereira de Viçosa, Gabriel Sena também de Viçosa ficou com o terceiro lugar e Thiago Veloso de Ponte Nova na quarta colocação.

A segunda categoria para pilotos da região foi a Nacional B, que teve 18 motos no gate, e a disputa da primeira posição foi acirrada até a bandeirada final com os pilotos Leandro Ramos primeiro colocado, e Samuel Santos segundo colocado, disputando posições durante toda a prova. Rodrigo Gomes de Canaã foi o terceiro, Marquinhos Despachantes foi o quarto.

Na última categoria do dia a XC1 (Força Livre), 5 pilotos ainda tinham chances de conquistar o título, no final mesmo sofrendo uma queda e terminando na décima colocação Ícaro Klenys de Contagem foi o campeão de 2017, Rafael Chaves de Belo Horizonte foi o vice campeão. A prova foi vencida de ponta a ponta pelo piloto Thiago Soares de Visconde de Rio Branco, Juruna de Belo Vale foi o segundo colocado, João Paulo de Viçosa o terceiro, Gabriel Sena também de Viçosa o quarto, e Evandro Pereira de Viçosa o quinto.

 

Comentários

Escreva um comentário